Se a teoria é rapidamente esquecida,
o gesto e a experiência artística
ficam no corpo, na memória, no olhar.

Dez 162017
 

Vai decorrer entre 18 e 22 de Dezembro de 2017, no Jardim Infantil Pestalozzi, O Primeiro Olhar 107, oficina de iniciação ao cinema, numa parceria entre a associação Os Filhos de Lumière, o Jardim-Infantil Pestalozzi e a Fundação Lucinda Atalaya

Os alunos descobrem a matéria do cinema vendo e analisando filmes. Criam depois as suas próprias histórias e entram na fase de rodagem do seu filme ocupando o papel de realizadores, assistentes de realização, anotadores, actores, operadores de câmara, responsáveis do som, etc. No final fazem a montagem.

Oficina orientada por Ana Eliseu (realização) com o apoio de Paulo Rangel e Petra Silva.
Dez 132017
 
No sábado 16 de Dezembro de 2017 às 15h00 serão apresentados na Sociedade da Amendoeira da Serra, Mértola, quatro filmes realizados na Amendoeira e no Mosteiro no âmbito das oficinas Cinema, cem anos de Juventude e O Primeiro Olhar do programa O Mundo à Nossa Volta, da associação Os Filhos de Lumière.

Filme-ensaio (filme final) da turma de 11ºano do Agrupamento de Escolas de Mértola, no âmbito do programa pedagógico Cinema, cem anos de juventude 2016-2017 sobre o tema  O Jogo.

De Mota à Aldeia – 8.30m 
filme colectivo dos alunos de 12º ano do Agrupamento de Escolas de Mértola realizado no âmbito da oficina O Primeiro Olhar 99, em 2017, inserida no projecto “Sentir, Tecer e Criar – Novelo da Vida em Cinema” promovido pela ADPM - Associação de Defesa do Património de Mértola.

Sentir, Tecer e Criar – 20m (O Primeiro Olhar / Moving Cinema)
Documentário sobre o cilo da lã

O Projecto “Sentir, Tecer e Criar – Novelo da Vida em Cinema”, é promovido pela Associação de Defesa do Património de Mértola que tem como objectivo fomentar a inclusão, a participação activa dos jovens assim como dos idosos socialmente desfavorecidos, através de uma estratégia de dinamização artística e inclusiva que valoriza a sua identidade cultural e as competências quer dos jovens, quer das pessoas idosas das comunidades. Com uma turma do 12º ano do Curso Profissional de Turismo do Agrupamento de Escolas de Mértola realizou-se este filme baseado na recolha oral de histórias contadas por alguns dos habitantes da Amendoeira da Serra sobre como era namorar antigamente.

O Lobo  - 12 min
Filme colectivo dos alunos do 2º ano do Curso de Animadores Sociocultural da Escola Profissional Alsud, em Mértola, da oficina O Primeiro Olhar 100 no âmbito do projecto "Geração Bio"

O projecto Geração Bio, é promovido pela Câmara Municipal de Mértola e pretende efectuar uma abordagem informal, criativa e interactiva à educação e sensibilização dos públicos infanto-juvenis para a conservação da natureza e biodiversidade das áreas protegidas, tendo como enfoque o Parque Natural do Vale do Guadiana. 

Estas oficinas foram realizadas pela associação Os Filhos de Lumière em parceria com a associação Entre Imagem, a ADPM - Associação de Defesa do Património de Mértola, a Escola Profissional Alsud e o Agrupamento de Escolas de Mértola, com o apoio do ICA, da Câmara Municipal de Mértola e do projecto europeu Moving Cinema.
Set 132017
 

As inscrições para a oficina de iniciação ao cinema "Filmar para Conhecer", orientada pela associação Os Filhos de Lumiere no âmbito do Festival Silêncio, encontram-se abertas até ao próximo dia 21 de Setembro.
 
A oficina acontece entre os dias 25 e 30 de Setembro, das 16h30 às 19h30, e é de acesso livre. Para participar é necessário preencher a ficha de inscrição (http://docdro.id/MtBBqGs.

A oficina tem como ponto de partida a visualização e análise de filmes curtos e excertos de filmes, assim como a descoberta de textos de Maria Gabriela Llansol. De forma a dar a descobrir a linguagem do cinema e o sabor da criação cinematográfica, os participantes deixaram o estúdio para explorar o bairro e nele os lugares de eleição de cada um, com vista a escrever, filmar e montar uma curta metragem que resulte do imaginário pensado em conjunto.
 
A apresentação das curtas-metragens acontecem no dia 1 de Outubro, às 18h30, na Rua da Boavista 9.