O PRIMEIRO OLHAR é uma oficina de iniciação ao cinema, orientada por realizadores e profissionais de cinema na área da imagem, do som, da produção e da montagem, dirigida a crianças e adolescentes no sentido de lhes dar a descobrir a linguagem do cinema e o sabor da criação cinematográfica.

Esta aprendizagem, assente na prática, envolve a assimilação de conhecimentos básicos e o contacto com todo o equipamento técnico de imagem, de som e de montagem.

Estas oficinas têm como objectivo maior levar as crianças a observar, olhar á volta, a ouvir, imaginar, sentir, criar através do cinema uma relação com o mundo com os outros e consigo próprios.

O trabalho em equipa durante a rodagem, momento alto desta oficina, leva-os a trabalhar em conjunto, em sintonia, com grande atenção e grande rigor. Trabalham o espaço, a luz, o movimento, a cor, o trabalho com o actor, a música, as palavras, os sons, os ritmos. A poesia enfim. A montagem organiza e dá vida á matéria de imagens e sons vindos da rodagem: a ordem e duração dos planos, o ritmo,  a relação entre  as imagens e os sons etc.

Todos os filmes que resultam destas oficinas são apresentados pela primeira vez numa sala de cinema e posteriormente noutros lugares e espaços que as crianças e jovens poderão frequentar, mostrar e partilhar os seus filmes com os outros , mas também para descobrir o cinema, outros universos, criar os seus imaginários.

Este projecto é desenvolvido há já doze anos em parceria com instituições e autarquias de todo o país, tem recebido o apoio do ICA – Programa VER e tem levado centenas de crianças a descobrir o cinema e o mundo, e a olhar de uma nova perspectiva para a sua cidade, para o seu bairro e para si próprios.

 


 LOCAIS DAS OFICINAS REALIZADAS

 

Ver Os Filhos de Lumière – O Primeiro Olhar num mapa maior