Jul 082017
 
Foi apresentado no dia 7 de Julho de 2017,  no Polo Cultural Gaivotas/Boavista, a versão final do filme colectivo Descompassos realizado no âmbito da oficina Filmar 22. Apresentação seguida de uma conversa entre os formandos e os formadores.
 
A oficina Filmar 22 decorreu em Fevereiro de 2017 e foi realizada em parceria cim a FPC/Museu das Comunicações
 
Estas acções de formação para professores visam a experimentação das metodologias e práticas de trabalho desenvolvidas nas oficinas com crianças e jovens, e enquadram-se no quadro de actividades dos projectos europeus CinEd e Moving Cinema.
 
Cineastas-formadores: Teresa Garcia (realização), Rossana Torres (realização e montagem), José Lã Correia (imagem e som),  Maria Maranha (som), Patrícia Gomes e Sara Morais (produção).
 
 
Esta oficina Filmar integra o programa  “O Mundo à Nossa Volta” da associação Os Filhos de Lumière.
Mai 272017
 

Descompassos – Filmar 22 from Os Filhos de Lumiere on Vimeo.

Filme colectivo realizado em Fevereiro de 2017 na oficina “O Que é o Cinema?”
Estas acções de formação para professores visam a experimentação das metodologias e práticas de trabalho desenvolvidas nas oficinas com crianças e jovens, e enquadram-se no quadro de actividades dos projectos europeus CinEd e Moving Cinema.
Oficina realizada em parceria a FPC/Museu das Comunicações
Mai 092017
 

No dia 8 de Maio de 2017, os alunos de 12º ano do Agrupamento de Escolas de Mértola fizeram uma sessão de “repérages” para o documentário que vão realizar no âmbito da oficina O Primeiro Olhar 99, inserida no projecto  “Sentir, Tecer e Criar – Novelo da Vida em Cinema” promovido pela ADPM – Associação de Defesa do Património de Mértola.  A sessão foi de registo da tosquia tradicional de uma ovelha, utilzando dispositivos moveis, experimentação realizada no ambîto do projecto Moving Cinema
 
O Projeto “Sentir, Tecer e Criar – Novelo da Vida em Cinema” tem como objetivo fomentar a inclusão, a participação ativa dos jovens assim como dos idosos socialmente desfavorecidos, através de uma estratégia de dinamização artística e inclusiva que valoriza a sua identidade cultural e as competências quer dos jovens, quer das pessoas idosas das comunidades.
 
Este oficina resulta de uma parceiria entre a associacão Os Filhos de Lumière e a ADPM – Associação de Defesa do Património de Mértola, a associação Entre Imagem, a Fundação Graça Gonçalves, a Cooperativa de Tecelagem de Mértola, e tem o apoio do ICA e do banco Montepio.
Mai 042017
 

No dia 3 de Maio de 2017 os alunos do Clube de Cinema de Serpa fizeram uma sessão de reperagem para o filme-ensaio (filme final) do programa Cinema, cem anos de juventude 2016-2017 sobre o tema “O Jogo utilzando dispositivos moveis, experimentação realizada no ambîto do projecto Moving Cinema
 
O Clube de Cinema de Serpa reúne alunos oriundos de duas escolas: Escola Básica Abade Correia da Serra e Escola Secundária de Serpa.
Fev 132017
 

Decorreu no dia 11 de Fevereiro de 2017 as filmagens de um filme colectivo no âmbito da oficina Filmar 22 em Lisboa, realizada em parceria a FPC/Museu das Comunicações

Estas acções de formação para professores visam a experimentação das metodologias e práticas de trabalho desenvolvidas nas oficinas com crianças e jovens, e enquadram-se no quadro de actividades dos projectos europeus CinEd e Moving Cinema.

Cineastas-formadores: Teresa Garcia (realização), Rossana Torres (realização e montagem), José Lã Correia (imagem e som),  Maria Maranha (som), Patrícia Gomes e Sara Morais (produção).

Esta oficina Filmar integra o programa  “O Mundo à Nossa Volta” da associação Os Filhos de Lumière.
Jan 212017
 

Os alunos do 2º ano do Curso de Animadores Sociocultural da Escola Profissional Alsud, em Mértola durante mais um dia de filmagem no ambito da oficina O Primeiro Olhar 100 (O Mundo à Nossa Volta) do projecto “Geração Bio” que decorre durante o mês de Janeiro de 2017.
 
O Primeiro Olhar 100 é realizado em parceira com a Escola Profissional Alsud com o apoio da Câmara Municipal de Mértola.
 
O Primeiro Olhar 100 onde está trablhado exercícios com dispositivos moveis está inserido no projecto europeu Moving Cinema.

Os parceiros que integram o projecto Moving Cinema são: A Bao A Qu (Catalunha/Espanha),  Meno Avilys (Lituânia), a França (através da Cinemateca francesa) e  o Centre for the Moving Image (Escócia/Reino Unido). Em Portugal o projecto é da responsabilidade da associação Os Filhos de Lumière. Este projecto conta com o apoio da Europa Criativa – sub‐programa Média.
Jan 202017
 


Os alunos do 2º ano do Curso de Animadores Sociocultural da Escola Profissional Alsud, em Mértola num dia de filmagem no ambito da oficina O Primeiro Olhar 100 (O Mundo à Nossa Volta) do projecto “Geração Bio” que decorre durante o mês de Janeiro de 2017.

O Primeiro Olhar 100 é realizado em parceira com a Escola Profissional Alsud com o apoio da Câmara Municipal de Mértola.
O Primeiro Olhar 100 onde está trablhado exercícios com dispositivos moveis está inserido no projecto europeu Moving Cinema.

Os parceiros que integram o projecto Moving Cinema são: A Bao A Qu (Catalunha/Espanha),  Meno Avilys (Lituânia), a França (através da Cinemateca francesa) e  o Centre for the Moving Image (Escócia/Reino Unido). Em Portugal o projecto é da responsabilidade da associação Os Filhos de Lumière. Este projecto conta com o apoio da Europa Criativa – sub‐programa Média.
Out 152015
 

Rodagem dos primeiros exercícios da oficina O Primeiro Olhar 90 em Mértola  com uma turma de Técnicos de Animação Cultural da Escola Profissional ALSUD.

Este oficina integra os programas O Mundo à Nossa Volta e Moving Cinema.

A associação Os Filhos de Lumière está a desenvolver o projecto Moving Cinema, em parceria com a associação “A Bao A Qu”, em Espanha,  “Meno Avilys”, na Lituânia, o Centre for the Moving Image (Escócia/Reino Unido), a Cinemateca Francesa (França)… Este projecto é apoiado pela Europa Criativa – Sub-Programa Média e tem como objectivo principal desenvolver a literacia cinematográfica junto das crianças e jovens.